Postagens

Mostrando postagens de Junho 28, 2017

Ótima noite

Imagem
Quando a mente e o corpo estão em absoluto equilíbrio
o achaque de um mundo inteiro não passa de um arrepio.

Utopia do bem viver (2010)

No final tudo dará certo
Águas límpidas em terreno fértil só pode acabar bem
Vi folha seca cair e adubar
Ouvi cantos desafinados de pessoas zens.

Chorar sozinho não faz mal a ninguém
Muitos estão sozinhos; muitos estão mal acompanhados...
Se te encontrarem de joelhos deixem que te achem maluco
A verdade só pode andar junto com o ser - primeiramente por si mesmo - amado.

Árvores mais altas tem os frutos mais doces
Muita gente não gosta de açúcar.

Vi-me pensando na vida e questionei-me;
Peguei-me ouvindo as ondas e mergulhei...

Olhando estrelas do mar e do céu senti-me maravilhado
Respiramos a vida, respeitamos a vida, natureza e além.

Comemos o fruto proibido, que na verdade se podia eu não sei;
Dando as mãos iremos longe, mas o perto é menos afanoso.

O que é gostoso muitas vezes pode fazer mal
Olhando para baixo ou para cima é maravilhoso
Sentindo o amor se espalhando, ag…

Da loucura, do som, da união

Imagem
- A condição “sine qua non” para sua existência é macabra:
Língua de serpente, asa de morcego e chifre de cabra
Seu amor é cego... 
Arrancou-lhe os olhos.
Nesse holocausto é só mais um fausto
Fato verídico que poucos notam
Na ponta da faca escorre uma gota
Podendo ser sangue, suor ou pranto.


- Às vezes uma doença grave pode ser a irmã mais velha da fé.


- Aves que voam no além-mar
Sentindo a salinidade existente
Liberdade de tocar a epiderme da vida.
Aves migratórias de voos extensos
Atravessam continentes com suas asas enérgicas
A brisa é sua amiga e confidente
O homem aqui embaixo
Plantado! confinado na inveja.


- Cai dente de leite
Estrela cadente
No céu da boca.
Dança de línguas
Mingau adoçado
Letrinhas na sopa.
Um pé de manga
E bem ao lado 
Pé de fio dental.
Um ponto final
Logo depois
Etecetera e tal.


Da loucura, do som, da união
Larissa Linda Rosa e André Anlub (Minas/Rio - 17/5/13)

Quando o batuque ecoa em meus ouvidos
sinto o vento da floresta
escuto sua escuridão
a ritmar as batidas do meu coração.

Som de idolat…